Siga oGol no Twitter
        1xBet
        Sofreu, mas venceu

        Atlético Mineiro vence Lanús, na prorrogação, e conquista Recopa

        2014/07/24 00:26
        Texto por ogol.com.br
        E0

        O Galo sofreu, como de costume, mas ficou com o título da Recopa. Após uma partida emocionante, que só foi definida na prorrogação, o Atlético Mineiro venceu o Lanús, por 4 a 3, e ficou com o troféu. 

        O gol que Diego Tardelli fez na casa dos rivais parecia pouco, mas no final, depois de muito sofrimento, foi decisivo pelo menos para levar o confronto para a prorrogação.

        Primeiro tempo movimentado e com quatro gols

        Em grande número no Mineirão, a torcida do Galo chegou confiante em fazer a festa do título. Se o time já entrava em vantagem por ter vencido o jogo de ida por 1 a 0, a situação melhorou bastante logo aos cinco minutos da partida. Ronaldinho cobrou escanteio, Léo Silva cabeceou e a bola bateu no braço de Araujo. O árbitro estava atento e assinalou pênalti. Na cobrança. Diego Tardelli abriu o placar, marcando o seu centésimo gol com a camisa do time mineiro.

        ©Bruno Cantini/Atlético-MG
        Enquanto os torcedores ainda comemoravam, o Lanús jogou um "balde de água fria" nas arquibancadas. Menos de dois minutos depois, veio o empate. Após boa troca de passes, Ayala recebeu livre dentro da área e chutou forte para as redes, sem chances para o goleiro Victor.

        De um momento para o outro, a alegria dos jogadores do Galo se transformou em nervosismo. Foram muitos passes errados e momentos de pouca inspiração em campo. O castigo acabaria por vir aos 26, quando Veláquez cobrou falta, Victor defendeu e Santiago Silva se esticou todo para aproveitar o rebote e conseguir a virada para os argentinos.

        Confiante, o Lanús seguiu jogando melhor e causando muita preocupação no técnico Levir Culpi. O Atlético mostrava dificuldades em criar jogadas envolventes no ataque, mas mesmo assim, voltou a empatar a partida. Marcos Rocha cruzou do lado direito e Maicosuel apareceu para finalizar com eficácia. 2 a 2. Antes do intervalo, ainda houve tempo para Jô receber belo cruzamento de Emerson e, isolado na cara do gol, esbarrar em grande defesa de Marchesín.

        Lanús pressiona, Galo segura até o último minuto, mas...

        O segundo tempo também começou animado. Logo nos primeiros minutos, Ronaldinho  recebeu belo passe de Diego Tardelli, ficou na cara do gol e tocou fora do alcance do arqueiro, mas Braghieri apareceu e evitou que a bola entrasse. Pouco antes, Pierre havia chutado de fora da área, fazendo a bola passar com muito perigo ao lado do gol.

        Ciente de que precisava de ao menos um gol para levar o jogo para a prorrogação, o Lanús foi para cima. Marcos Rocha precisou se esforçar bastante para em duas ocasiões evitar que Santiago Silva balançasse as redes. Aos 19, "São Victor" fez uma espetacular defesa à queima roupa. No bate e rebate, o ataque argentino ainda chutou mais três vezes no mesmo lance e viu a zaga conseguir cortar todas. A resposta do Galo veio com um chute forte de Tardelli de fora da área, muito bem defendido por Marchesín.

        Daí até o apito final, foi muita pressão do Lanús e alguns contra-ataques desperdiçados pelo Atlético. Tudo já indicava que o título já estava nas mãos do Galo, mas aos 49 minutos, Santiago Silva cabeceou para Victor espalmar. No rebote, Acosta ganhou de Emerson Conceição e empurrou para as redes, levando o jogo para a prorrogação.

        Gol contra define

        O time de Levir Culpi pareceu não ter se abatido com o gol no fim e começou o tempo extra no ataque, mas dava sustos. Ayala quase fez o quarto em violento arremate de fora. A bola saiu, mas passou muito perto. 

        ©Bruno Cantini/Atlético-MG
        Aos 13, Luan tentou tranquilizar a torcida. O atacante foi ao fundo, cruzou e a bola desviou na defesa. O desvio matou o goleiro e a bola morreu no fundo das redes: festa da massa atleticana.

        Os argentinos não conseguiram se recuperar. No segundo tempo da prorrogação, Ayala decidiu o confronto de forma trágica. De cabeça, o jogador, que fazia ótima partida, tentou recuar para o goleiro, mas acabou o encobrindo: 4 a 3 Atlético, campeão da Recopa. Linda festa no Mineirão, dessa vez brasileira. 

        Enquete
        RESULTADO DA VOTAÇÃO
        ATLÉTICO MINEIRO
        EMPATE
        LANÚS
        Comentários (0)
        Tenha em atenção as Regras de Conduta antes de escrever o seu comentário. Se não as conhece poderá ser uma boa oportunidade para o fazer aqui.
        motivo:
        EAinda não foram registrados comentários…
        jogos históricos
        U Quarta, 23 Julho 2014 - 22:00
        Estádio Gov. Magalhães Pinto (Mineirão)
        Roberto Silvera
        4-3
        Diego Tardelli 6' (pen.)
        Maicosuel 37'
        Victor Ayala 8' 111' (g.c.)
        Santiago Silva 25'
        Lautaro Acosta 90'
        Gustavo Gómez 103' (g.c.)
        VÍDEOS
        Oficial
        Nova peça para o xadrez de Mano
        O meia Elias, ex-Atlético Mineiro e Corinthians, reforça o Bahia na disputa do Campeonato Brasileiro. O jogador, de 35 anos, estava sem clube desde que deixou o Galo em janeiro deste ...
        ÚLTIMOS COMENTÁRIOS
        ScPKoHx 24-09-2020, 13:14
        ScPKoHx 24-09-2020, 13:10
        ScPKoHx 24-09-2020, 13:07
        ScPKoHx 24-09-2020, 12:55
        vala-riaaraa-jo 24-09-2020, 12:21
        vala-riaaraa-jo 24-09-2020, 12:20
        ScPKoHx 24-09-2020, 09:26
        JP_Tricolor 24-09-2020, 06:11
        JP_Tricolor 24-09-2020, 06:06
        JP_Tricolor 24-09-2020, 06:03
        BR
        Brasfooteiro 24-09-2020, 04:06
        BR
        Brasfooteiro 24-09-2020, 04:00
        BR
        Brasfooteiro 24-09-2020, 03:53
        FA
        Farofa 23-09-2020, 23:41
        vala-riaaraa-jo 23-09-2020, 23:28
        vala-riaaraa-jo 23-09-2020, 23:03