Siga o canal do youtube do ogol.com.br
        1xBet
        34 anos longe da primeira divisão...

        Invicto no ano e líder da Série B, Cuiabá faz Mato Grosso sonhar com volta a elite

        2020/09/01 07:36
        Texto por Paulo Mangerotti
        E2

        Passadas apenas seis rodadas da Série B, qualquer prognóstico sobre o futuro dos clubes que a disputam nesta temporada seria precipitado. No entanto, é impossível olhar para a tabela, ver o líder isolado com um jogo a menos e pensar... Há quanto tempo um clube de Mato Grosso não disputa a primeira divisão do Campeonato Brasileiro?

        O Cuiabá é o responsável por fazer o futebol mato-grossense sonhar com a possibilidade de retornar a elite do Brasil, 34 anos depois da última vez que seus clubes estiveram por lá. Mixto e Operário de Vargem Grande disputaram o Campeonato Brasileiro de 1986 e acabaram eliminados na primeira fase da competição. Apesar de não terem caído, já que o rebaixamento só foi introduzido oficialmente a partir de 1988, os clubes não voltaram a se classificar para a elite do futebol nacional desde então.

        Historicamente, apenas três clubes de Mato Grosso já disputaram a primeira divisão nacional. Além de Mixto e Operário-VG, o Dom Bosco foi o clube que participou da primeira divisão no final da década de 70, de 1977 a 1979. Entre eles, o recordista de participações é o Mixto, com nove.

        Cuiabá nem sonhava em nascer...

        Fundado em 2001 pelo ex-atacante Gaúcho, hoje falecido, o Cuiabá é um clube-empresa que rapidamente ganhou protagonismo no futebol do estado. Em 2003 conquistou seu primeiro Campeonato Mato-Grossense e acumula nove conquistas, sendo o atual tricampeão - podendo alcançar o tetra nesta temporada, já que vinha liderando invicto e de forma isolada o estadual de 2020, até acontecer a paralisação devido a pandemia da Covid-19.

        A interrupção no calendário do futebol não prejudicou o desempenho do Cuiabá, pelo contrário. Mesmo passados cinco meses entre a última partida do estadual e a estreia na Série B, o time manteve o ritmo e é duro de ser batido. Até aqui, na Série B, o Cuiabá sofreu apenas três gols em cinco jogos, empatou na estreia com o Brasil de Pelotas e venceu as últimas quatro partidas.

        O time é comandado pelo técnico Marcelo Chamusca, que assumiu o cargo no final da Série B de 2019, depois da demissão de Itamar Schülle. O elenco não conta com nomes muito conhecidos, mescla experiência e juventude, com a média de idade em 25 anos. O jogador mais experiente é o volante Marino, de 34, que fez carreira entre o interior paulista e o futebol nordestino, até chegar no clube em 2018. Hoje, o principal destaque do clube é o meia Rafael Gava, revelado pelo Internacional e que está emprestado pelo Paços de Ferreira, de Portugal. O atacante Maxwell é outro que faz boa temporada, tem nove gols em 14 jogos, mas ainda não balançou as redes na Série B.

        Nesta terça-feira o Cuiabá entra em campo contra o Botafogo de Ribeirão Preto e pode até perder a invencibilidade no ano. No entanto, se isso acontecer, dificilmente isso será um baque para quem vem comendo pelas beiradas e com tão poucos anos de vida faz o que em Mato Grosso não se via há muito.

        Comentários (2)
        Tenha em atenção as Regras de Conduta antes de escrever o seu comentário. Se não as conhece poderá ser uma boa oportunidade para o fazer aqui.
        motivo:
        HE
        Chamam a atenção
        2020-09-01 14h58m por heitorborges
        Dois fatos do passado chamam a atenção, o primeiro é que o Cuiabá chegou a ficar licenciado entre os anos de 2008 e 2009, ou seja, é praticamente um novo clube desde que foi adquirido pelo Grupo Dresch. O outro é que os números de Gaúcho pelo Flamengo são respeitáveis, se fosse atualmente era seleção e salário acima de 500 contos.
        Falta tradição
        2020-09-01 09h26m por JP_Tricolor
        Ali no Centro-Oeste sempre faltaram opções de times. O Goiás é o maiorzinho e teve bons momentos, mas depois caiu muito e nunca conseguiu ser grande a nível nacional. O Atlético Goianiense menos ainda. No Mato Grosso e no MS a situação é ainda pior.
        Links Relacionados
        Equipe
        Competição
        SIMULADOR OGOL
        Futebol Inglês
        Análise ogol
        Goleiro e zagueiro elevam o nível dos Blues
        Frank Lampard não está imune as críticas no Chelsea, mas ao menos um problema o técnico parece ter resolvido no mercado: o da fragilidade defensiva. As apostas em Edouard ...
        ÚLTIMOS COMENTÁRIOS
        ScPKoHx 26-10-2020, 08:54
        LukyMax_Santiago 26-10-2020, 03:38
        LukyMax_Santiago 26-10-2020, 03:20
        LukyMax_Santiago 26-10-2020, 03:19
        vala-riaaraa-jo 25-10-2020, 20:21
        CRUZPH 25-10-2020, 18:08
        CRUZPH 25-10-2020, 11:43
        ScPKoHx 25-10-2020, 08:41