Siga o canal do youtube do ogol.com.br
história
Rivalidades

Estrela Vermelha x Partizan: o Dérbi Eterno

Texto por ogol.com.br
l0
E0
Ao redor do mundo, é difícil encontrar um clássico que se aproxime da rivalidade de Estrela Vermelha x Partizan. Conhecido no país como o Dérbi Eterno, e fora dele como o clássico mais explosivo do mundo, o encontro coloca lado a lado rivais de longa data. 

Os dois clubes surgiram na década de 1940 depois da Segunda Guerra Mundial. Ambos com origens de resistência ao nazismo, mas por caminhos opostos. Belgrado foi se dividindo cada vez mais com o passar das décadas. 

O Estrela Vermelha foi fundado em 04 de março de 1945 com influências soviéticas. O Partizan nasceu em outubro do mesmo ano, no dia 04, como o time do exército iugoslavo. Nessa tensão política em uma região que viveu de guerras e separações foi fomentada a rivalidade entre os clubes. 

O primeiro dérbi aconteceu em 1947, e terminou com vitória do Estrela Vermelha por 4 a 3. Desde então, os rivais passaram a lutar ano a ano pela soberania local, seja nos tempos de Iugoslávia, como Sérvia e Montenegro ou como Sérvia. 

Se nacionalmente há um certo equilíbrio histórico, com os rivais dividindo o título até os dias de hoje, internacionalmente o Estrela Vermelha conseguiu dar passos mais largos. Se o Partizan, de Galic, Vasovic e companhia, foi vice-campeão europeu em 1966, perdendo decisão para o Real Madrid, o Estrela Vermelha foi mais longe. 

Em 1991, o Estrela Vermelha ganhou uma Liga dos Campeões e o Mundial, em um time histórico que contava com craques como Stevan Stojanovic, Sinisa Mihajlovic, Robert Prosinecki, Vladimir Jugovic e Dejan Savicevic. 

Um brasileiro no dérbi 

Um brasileiro conseguiu o amor e o ódio no dérbi. O atacante Cléo foi corajoso ao trocar de rivais: depois de uma temporada no Estrela Vermelha, se mudou para o Partizan em 2009. O brasileiro conseguiu sucesso no novo clube, mas confessou, anos depois, que evitava sair de casa na época da mudança, temendo a ira dos fãs.

Infelizmente, como em muitos clássicos, o dérbi de Belgrado ficou marcado, também, por episódios de violência. Mas a festa das duas torcidas, quando há um clássico, é também contagiante. É impossível não pulsar com o Dérbi Eterno. 

Comentários (0)
Tenha em atenção as Regras de Conduta antes de escrever o seu comentário. Se não as conhece poderá ser uma boa oportunidade para o fazer aqui.
motivo:
EAinda não foram registrados comentários…
Links Relacionados